17 abril 2013

Resenha Premiada:Cisne - Uma Geração. Todas as Decisões - Eleonor Hertzog.

  • Autor: Eleonor Hertzog
  • Editora: Dracaena
  • ISBN: 9788582180372
  • Ano: 2012
  • Páginas: 832

Sinopse:

Ninguém sabe exatamente quais são os critérios de seleção da Escola Avançada de Champ-Bleux, mas não há como discutir sua eficácia. Seus exames de ingresso não erram nunca! Entre milhares de candidatos de todos os pontos da Terra, apenas duzentos e cinquenta são escolhidos a cada semestre. E, num mundo onde ser cientista é o maior status que alguém pode desejar, a Escola Avançada de Champ-Bleux forma aqueles que são disputados a peso de ouro. Doris e Henry Melbourne são cientistas formados por Champ-Bleux. Aparentemente, são biólogos marinhos. Aparentemente, suas vidas se centram no Cisne, barco de pesquisas onde moram com os filhos. E, também aparentemente, são terráqueos... Seus filhos acreditam em todas essas aparências – ao menos por enquanto. Seguindo os passos dos pais, os jovens Melbourne fizeram os exames de ingresso para Champ-Bleux. Enquanto, cheios de expectativa, aguardam os resultados para saber se ao menos um deles entrou na Escola Avançada, veem-se envolvidos numa questão diplomática entre Terra e Tarilian, o único outro mundo habitado que os terráqueos conhecem. Inesperadamente, o futuro das relações entre os dois mundos vai ser decidido em um barco no meio do oceano! Mal sabem eles que isso é apenas o começo... Logo precisarão decidir pela Terra inteira!

Resenha:

Doris e Henry Melbourne são os melhores cientistas da terra, formado na famosa Champ-Bleux, a mais conceituada escola para cientistas da Terra.
 Depois de completar os 10 anos de curso na escola, agora o casal vive em um barco/laboratório/casa junto com os seus oito filhos: Ted, Teo, Tim, Tom, Lis, Pam, Bobby e Peggy, que também são a tripulação e os aprendizes.Agora a família Melbourne exerce a função de Biólogos Marinhos, estudando algas e a vida no oceano. Mas como a maioria dos adolescentes, os filhos de Henry e Doris sonham com uma vaga em Champ - Bleux, e sendo filhos de quem são, é o que a sociedade espera deles.

(...)Olhou o céu negro, pontilhado de estrelas sem fim. Parecia poeira luminosa. Olhou o mar, tão negro quanto o céu. Não havia limite entre céu e mar. Não havia distância naquele negrume. Não havia nada. Era como estar fora do mundo... ou nem haver mais mundo. Só o Cisne.(...)

 Os critérios de admissões para a escola é um mistério, ninguém nunca descobriu quais são, mas as 250 vagas disponibilizadas por ano são disputadas pela maioria dos adolescentes que sonham em um dia se tornar cientistas renomados. Doris e Henry são formandos por Champ - Bleux e agora os seus filhos prestaram os psico- testes, e por mais inacreditavel que possa parecer, TODOS passaram, o que é muito incomum.
Logo após saberem os resultados, nesse misto de agitação e ansiedade, uma noticia não muito agradável chega ao Cisne. O conselho convocou o barco dos Melbourne para concluir o estagio de dois cientistas Tarilianos que fazem parte dos intercâmbio interplanetario, e que acabaram sofrendo agressões de um outro cientista terráqueo, em um dos barcos ligados ao conselho.
  Tarilian é um novo mundo, descoberto fora do nosso sistema solar, mais precisamento localizado atras do sol, que após o primeiro contato foi constato uma atmosfera semelhante a da terra, assim como seus habitantes, que apenas são distinguidos por suas orelhas pontudas. Apos a descoberta foi um choque para a Terra ter que admitir que Tarilian possuía uma tecnologia bem mais avançada,e para Tarilian admitir que a Terra possuia o dominio do espaço cideral.A disputa interplanetaria começou apartir dai, tanto de um lado quanto de outro, e assim surgia o intercâmbio, uma ligação entre os dois mundos, onde cientistas da Terra podem aprender a tecnologia e Tarilian e vice -versa.Mas a diplomacia entre os planetas é algo instável e ambos os lados não perdem a oportunidade de provocar.
Sendo assim, os Melbournes são obrigados a entrar em meio a esse embate, para tentar acalmar os ânimos entre terráqueos e tarilianos, e acabam por ter de hospedar 3 Tarilianos  hostis, em seu barco, sendo que um deles é um repórter um tanto sem escrúpulos, que adora destorcer os fatos e plantas a discórdia entre os tripulantes.

(...)A causa das ofensas que você sofre são as falhas do seu caráter, e não o que os outros dizem. Quando o caráter é reto e firme, as ofensas não atingem.(...)

Primeiramente eu quero levantar uma questão: Será que Eleonor Hertzog é mesmo terráquea? Tenho minhas duvidas. Com essa mente incrivelmente fértil e tamanha inteligencia...hm... 
hahhaha. Brincadeira gente, a principio ela é terráquea sim,e gaúcha, assim como eu!\õ
Para quem ficou intrigado com meu resumo acima, o Cisne é um distopia, fala sobre a Terra daqui a alguns (muitos) anos, depois da descoberta da outros planetas habitáveis, como foi o caso da fictícia "Tarilian", localizada no lado contrario do nosso sistema solar. Achei muito interessante essa temática, inovadora, com toda certeza. É a primeira distopia nacional que eu tenho a oportunidade de ler,  autores estrangeiros adotaram o gênero, e pipoca  distopias de tudo que é lado, é Divergente, Jogos Vorazes, Legend... entre tantas outras,  mas a maioria dos autores nacionais não aderiu ao tema, e foi isso que me fez ficar super curiosa para ler o Cisne. Tenho que confessar que a primeira vista o livro assusta, afinal são quase 900 paginas de uma historia bem complexa, é muita coisa para assimilar, é na realidade, um novo mundo a conhecer. Mas como eu disse anteriormente, a Eleonor  possui tamanha criatividade, quem nem comparando com distopias estrangeiras eu  não consegui achar uma temática que fosse, nem parecida com a  criada por ela. 
O livro é narrado em terceira pessoal, o que nos da a oportunidade de conhecer todos os personagens muuuuito bem. Por falar em personagens, a estoria possui muitos, para se ter uma ideia, só a família Melbourme é composta por 10, todos ativos e com uma personalidade própria. Mas esse foi um ponto que dificultou a minha leitura, são muitos personagens e cada um tem a sua historia, que é desenvolvida paralelamente, então quando um problema é solucionado, você não tem bem certeza de como ele realmente começou, pois acaba misturado a historia de outro personagem. Não é muita estoria, é sim muitos personagens, pois as descrições e ambientação é perfeita, você realmente se sente abordo do barco.
Mas ainda falando dos personagens, posso dizer que tenho preferência?? Siiim, eu tenho meu Melbourme preferido, que é o Tim!! O menino é a combinação perfeita: inteligente e divertido! Tenho que confessar, que eu fiquei torcendo para o casal Tim e Peggy acontecer!! Ok, acho que eu não expliquei antes, mas a Peggy não é uma Melbourme de sangue, ela é adotada,então,nada impede!
Como vcs podem notar, a família é grande e o mais divertido de tudo é acompanhar o desenvolver da relação entre oito adolescente de personalidade forte dentro do restrito espaço que um barco, é garantia de muitas gargalhadas. O pior de todos eles é o meu favorito: Tim. Mas o personagem mais complexo é a Peggy, até onde esse livro nos levou na  estoria dela, ainda não da para se ter uma noção exata do seu passado, então já podemos esperar que no próximo livro o enfoque vai continuar no mistério do passado de Peggy e em sua mente problematica.
Resumindo: O Cisne é um livro super criativo, com um enredo super diversificado, e uma imensa gama de personagem bem desenvolvidos.Apesar de toda a estoria e o enredo envolvente, o livro nos deixa que com a sensação de isso é apenas a introdução, que esse conflito Terra x Tarilian é apenas a ponta do iceberg, e que muito ainda esta por vir. Não vou dizer que é uma leitura leve, pois exige de que você esteja completamente ligado, cada detalhe é importante para você entender o enredo.
A edição em sí é maravilhosa, a ilustração do barco, os golfinhos... é tudo para completar ainda mais a experiência de estar a bordo do Cisne, literalmente. Uma coisinha que eu não gostei,é que o livro é uma edição simples, ou seja, sem aquelas "orelhas", o que deixa a capa com uma aparência frágil, e eu como trato os meus livros como bebes, fico um tanto neorotica  cuidando no manejar.

Book Trailler:

Para quem não sabe,o Cisne não é um livro único, esse é o primeiro volume de uma serie, que já tem a sequência prevista para ser lançada no segundo semestre desse ano, e vai ser intitulado 
" Linhagens".Ainda não tem uma data exata para o lançamento, mas a autora nos adiantou, que será antes a Bienal do Rio.
Gostou da noticia? a Eleonor foi ainda mais legal com nós, e publicou um trechinho para atiçar ainda mais a nossa curiosidade, segue abaixo:

 " (...)Mil anos atrás, outra guerra começou no Império Atlante. Parecia tudo, menos ajuda para a Terra; porém, paradoxalmente, foi isso que se tornou. A Grande Guerra se estendeu pelo Império inteiro e ameaçou todos os Palácios e Linhagens, que foram forçados a se unir para sobreviver. Afinal, o Império descobriu que a única forma de pôr fim à Grande Guerra era selar os Palácios. Por ordem do Palácio Imperial de Relana, os Palácios dos Reinos Independentes lacraram seus acessos físicos e mentais, camuflaram-se e desapareceram dos olhos e das mentes dos seus próprios povos. A Guerra não foi vencida nem perdida; ficou estranhamente suspensa, até os imperiais descobrirem uma forma de vencê-la.(...) "

Quer ler mais? clica AQUI, e da uma passada no blog da autora, lá você pode conferir um pouquinho mais sobre "Linhagens", ou então, para quem ainda não conhece o "Cisne", dar uma conferida nessa historia maravilhosa.

Sobre a autora:

Meu nome é Eleonor Hertzog e sou gaúcha de Porto Alegre. Pediatra por formação, sou escritora de coração. Leio desde que descobri o que eram livros; não vou dizer que escrevo desde a mesma época porque eu era realmente muito pequena. Mas, desde o primeiro livro, descobri que adorava contar histórias. No começo eram as dos livros. Mais tarde, as dos livros com alguns acréscimos. E, na adolescência, começaram a pipocar personagens, lugares e situações que não vinham de livro nenhum - estavam dentro de mim. Eu cresci, meus personagens se tornaram mais complexos. Eu aprendi, eles passaram a ver o mundo de outra forma. Tive filhos, eles souberam como ser pais e mães convincentes. O enredo se tornou mais bonito e complexo e, de repente, descobri que não tinha apenas uma história dentro de mim. Tinha mundos inteiros!
Durante anos, família e alguns amigos muito próximos (meus únicos leitores até agora) me questionaram a respeito de quando eu iria finalmente considerar o livro pronto. Bom, está pronto agora. Orgulhosamente pronto!
Entrego nas mãos de vocês meus personagens, meu enredo, meus mundos. Espero que tenham tanto prazer lendo quanto tive escrevendo!"

                         

Quer ganhar um kit do Cisne? SIIIM!!??
Bem facil, basta seguir as regras abaixo:

- Seguir o blog Livros de Elite publicamente;
- Seguir publicamento o blog da autora .(http://www.eleonorhertzog.com.br)
- Ser residente no Brasil;
- preencher o formulário no Rafflecopter.
- Deixar um comentario valido aqui na resenha (nada de participando, gostei e afins) com seu email.


a Rafflecopter giveaway Primeiro sorteado ganha: ecobag + mouse pad + caneta + marcador autografado.
Segundo sorteado ganha: mouse pad + caneta + marcador autografado.
Terceiro sorteado ganha: Caneta + marcador autografado.

O envio dos premios será feito pelo blog, que tem até 45 dias apos o sorteio e o recebimento dos dados do ganhar para fazer o envio.

Formulário Top Comentarista

23 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Geeh! Já li Cisne e curti bastante, apesar de ter achado o começo da história um pouco lento e de ter me atrapalhado um pouco com o excesso de personagens. Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Eu ja li uma resenha deste livro e não achei tão interessante, mas lendo a sua me deu uma vontade enorme de ler. Parabéns! Você conseguiu atiçar minha curiosidade!

    Vou participar do sorteio, quem sabe...

    paulosmsjc@hotmail.com

    Abç.

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei do enredo que você apresentou, me atraiu. Eles podiam ter feito uma capa mais bonita, parece tão infantil.
    Eu também sou gaucha, você é da onde?

    ResponderExcluir
  4. Oi!!!!!!!!!

    Resenha muito bem escrita, parabéns! Sou suspeita pra comentar porque sou fã número um da autora! Tive a oportunidade de ler Linhagens e pasmem só, ele consegue ser ainda melhor!

    Beijokas!

    Thaís

    ResponderExcluir
  5. Eu não gosto muito de distopias, e essa história não me interessou muito não assim de cara, mas confesso que amei essa parte gente:

    (...)A causa das ofensas que você sofre são as falhas do seu caráter, e não o que os outros dizem. Quando o caráter é reto e firme, as ofensas não atingem.(...)

    É de levar pra vida viu, muito bom. Curiosa em ler o livro todo agora ¬¬

    Bjinhos

    cibeledecarvalho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. Oiee
    Adoro distopias, é um dos meus temas favoritos de livros, e não sabia que o livro fazia parte de uma série..rsrs..Também pensava que ele era bem fininho *-*
    Quero muuito lê-lo ♥ a história parece ser bem interessante :)
    MilkMilks
    DM
    driely.meira@hotmail.com
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Tava curtindo o livro, até entrar alienígenas na história, isso acabou com meu interesse. Não leria o livro. A capa é fofa, não desconfiei do enredo pela capa.

    ResponderExcluir
  8. Interessante a historia do livro, de que existem vidas em outros planetas... eu nunca tinha lido a resenha, porque pela cara realmente parece livro infantil e não me chamou atenção, achei que a historia seria tipo uma pessoa que vive uma grande amizade com um golfinho...hahahaahha
    agora me deu vontade de ler o livro e saber o que diz a autora a respeito das vidas de outro planeta...

    ResponderExcluir
  9. X
    PARTICIPANDO
    ellianeramos.blogspot.com.br/
    ellianeramos@hotmail.com
    X

    ResponderExcluir
  10. Já li sobre o livro e achei muito interessante.Gosto do estilo e sua resenha me fez querer ler logo ele.Muito bom.Obrigada.
    elizabethmsalles21@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. Queria muito ler porque resenhas positivas é o que não falta. Espero ter a oportunidade em breve :D

    ResponderExcluir
  12. Já li várias resenhas positivas sobre esse livro, e sua resenha me fez querer ler ainda mais ^^ Pena que a edição não tem orelhas, eu também cuido dos meus livros como bebês e sem orelha é 'estranho'.

    joycefrossard.o@gmail.com

    ResponderExcluir
  13. Sou da área de ciências biológicas então é lógico que quero ler um livro com cientistas e pesquisa científica! =)
    Fiquei bastante feliz com a ideia de um navio escola onde as pessoas moram, fazem pesquisa e ensinam os alunos.
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  14. Que resenha maravilhosa, adorei. A História me pareceu ser muito interessante, fiquei muito curiosa em relação ao desenrolar da historia, a capa é linda d+, espero em breve ler esse livro.
    Parabéns pela bela resenha.

    ResponderExcluir
  15. Eu amei, vai ser um livro que nunca vou esquecer.
    Meu neto de 5 anos se apaixonou pela capa e fala que o livro se chama golfinhos.
    Eu identifiquei muito os meninos com meu filho mais novo, muito travesso e brincalhão, nas férias vou ler Linhagens e tenho certeza que vou adorar.

    ResponderExcluir
  16. Parabéns por essa história! amei a resenha,a capa é muito linda.
    Tenho curiosidade de saber como seria a vida em um navio e principalmente se tivesse uma escola!

    ResponderExcluir
  17. Pela resenha deu para perceber que o livro é muito bom. O livro é daqueles que agradam desde as crianças aos mais velhos, parabéns!

    ResponderExcluir
  18. Não sei se esse é o tipo de leitura que me agradaria, embora de acordo com a resenha ele nos deixe inquietos para saber o desfecho da estória.

    ResponderExcluir
  19. Ganhei este livro faz pouco tempo e ainda estou lendo. A história dele é divina,e estou encantada e apaixonada. nada como um ótimo livro pra nos deixar motivados e saciados por tão incrível leitura. Beijos.

    ResponderExcluir
  20. A resenha me instigou a ler este livro.

    ResponderExcluir
  21. A Eleonor é parceira no meu blog também, uma simpatia de pessoa!
    Não vejo a hora de começar a ler o meu exemplar, ele tem tudo para se tornar um dos meus favoritos do ano!
    Beijos!
    tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Família grande essa! hahah Não me interesso muito por esse tipo de livro,mas com a sua resenha fiquei curiosa de saber como ele é.

    ResponderExcluir
  23. Eu sou fã de distopias e tento ler o maior número possível delas. Realmente não me lembro de ter visto algum nacional do gênero. O que me incomodou um pouco foi essa questão do livro ser bem grandinho. Me passou a impressão de ser encheção de linguiça, mas pelo que você falou, não tem nada disso, então, está apto pra mim. Rsrsrs Fiquei muito curioso pra ler, e espero que seja em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz