22 setembro 2013

Resenha : Cretino Irresistível - Christina Lauren




Autor: Christina Lauren 
Titulo original: Beautiful Bastard 
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 9788579305290
Ano: 2013
Páginas: 272
Adicione o livro a sua estante no 'Orelha de livro".


Sinopse:
Uma estagiária ambiciosa. Um executivo perfeccionista. E um relacionamento ardente e totalmente perigoso! Esperta, dedicada, prestes a cursar um MBA, Chloe Mills tem apenas um único problema: seu chefe, Bennet Ryan. Ele é exigente, insensível, sem consideração – e completamente irresistível. Um belo cretino. Bennet acaba de retornar da França para assumir um cargo importante na empresa de comunicações de sua família. Mas o que ele não poderia imaginar era que a pessoa que o ajudava enquanto ele estava no exterior era essa criatura linda, sensual e totalmente irritante que agora ele tem de ver todos os dias. Ele nunca foi do tipo que se envolve em relacionamentos no ambiente de trabalho, mas Chloe é tão tentadora que ele está disposto a flexibilizar essa regra – ou quebrá-la de uma vez – para tê-la. Por todo o escritório! Mas o desejo que um sente pelo outro cresce tanto que Bennet e Chloe terão de decidir o que estão dispostos a perder para ganhar um ao outro.




Resenha:

Sabe aquele tipo de livro que você pega apenas para ler a sinopse, dai bate aquele curiosidade e você lê o prologo, e quando se da conta, já leu metade!? Pois é, Cretino Irresistível é exatamente este tipo de livro.
Nossa, fazia muuuuito tempo que eu não lia um livro tão bom quanto este. Não sei exatamente qual é a classificação dele, literatura erótica? romance erotizado? Não tenho a minima ideia, na capa ele consta como literatura erótica, mas eu não concordo, esta bem mais para um new adult, com certeza. Mas indiferente disso, eu tenho que confessar que o subestimei completamente, acho que fiquei um pouco traumatizada com esse estilo depois de ler 50 tons de cinza e O inferno de Gabriel. Até então, eu não tinha tido boas experiencias com livros desta "categoria", mas está ai, este cretino completamente irresistível veio para me livrar deste trauma.
E por falar em trauma, este é o grande diferencial do livro : Nada de traumas.
Grande parte dos eróticos lançados tem como plano de fundo um trauma, seja abuso sexual, problema com drogas,abandono e etc. Mas neste, isso não existe, ambos vem de famílias bem estruturadas e felizes, e as relações sexuais "não convencionais" acontecem somente por criatividade do casal, fim, nada de traumas ou pessoas psicologicamente instáveis.
A protagonista também é bem fora dos padrões das mocinhas que estamos acostumados, nada de virgenzinha, inocente, indecisas e com complexo de inferioridade, Chloe é um mulher sexy e sabe o que quer, em todos os sentidos, seja no sexo ou na sua carreira profissional. O relacionamento entre Chloe e Bennett é incrível, pois não existe a submissão feminina, ambos são dominadores e com personalidades super fortes, o relacionamento deles é uma especie de jogo, onde ambos decidem perder em nome do desejo, mas que em alguns momentos se torna uma competição para saber quem vai ceder primeiro.
Na verdade, esse livro é todo fora do convencional, e é exatamente por isso que ele é fantástico.
Ao iniciar a leitura somos apresentados a Chloe Mills e Bennett Ryan. Bennett é o herdeiro de uma grande empresa de comunicações que acaba de voltar da França para assumir o cargo de CEO, consequentemente  ele se torna o chefe de Chloe, uma estagiaria prestes a cursar um MBA. Quando o casal se conhece, fica claro que o convívio entre eles não será nada fácil, já que ambos não se suportam.Mas aos poucos e com a convivência diária, o que era hostilidade se torna tensão sexual, que acaba resultando em sexo selvagem na sala de reuniões.
Bennett é um completo cretino, que não perde a oportunidade de infernizar a vida de Chloe, o que fica ainda pior depois do acontecido na sala de reuniões.Mas é também a partir deste momento que Chloe percebe que não precisa mais aguentar tudo calada e passa a responder as provocações a altura.
"Então, o fato era o seguinte: eu me senti possessivo em relação a ela. Não de um jeito romântico,mas de um jeito troglodita do tipo "golpeie-a na cabeça, arraste-a pelo cabelo até a caverna e transe com ela".Como se ela fosse meu brinquedo e eu tivesse de manter os outros meninos do parquinho longe dela. Isso não é doentiu? Se a Srta. Mills me ouvisse admitir isso, ela cortaria o meu saco e me daria para comer."
Olha, sinceramente eu nem sei o que falar sobre este livro, eu simplesmente amei, por mais que eu escreva, tenho certeza que não vou estar elogiando o suficiente e nem vou conseguir expressar tudo que eu gostaria. Este livro tem um casal de protagonistas que é impossível não se apaixonar, ela não faz o tipo neorotica e insegura, que fica chorando pelos cantos pensando se ele a ama ou não. Chloe é um exemplo de mulher, não se deixa intimidar por ninguém, e vai atrás do que quer, profissionalmente e sexualmente. Já o Sr.Ryan não faz o tipo cheio de traumas,ele é um cretino, é claro, mas é um cretino por  livre e espontânea vontade e empenho, mas é este lado inabalável dele que o torna irresistível.
As "taras" do Bennett são coisas "normais": uma cinta liga; lingeries sexy;um bom decote,nada de BDSM, sado e afins. Podemos dizer que o casal é criativo, qualquer hora é hora e qualquer lugar é lugar, inclusive provadores.
Outra coisa legal é a forma de escrita da autoras, que mesmo em diálogos eróticos não se torna vulgar.O ponto alto da historia é na verdade,os diálogos entre o casal, um mistura de sensualidade, inteligencia, ironia com uma pitada de humor, o que ao meu ver, foi a formula para a perfeição. Uma coisa ótima são os capítulos narrados intercalando entre o ponto de vista dos protagonista, ou seja, você conhece ambos os lados da relação.
Este livro tinha tudo para me fazer odiá-lo: o tema, que não é um dos meus preferidos, pelo contrario, fujo. É escrito a 4 mãos, odeio isso, normalmente fica horrível, pois nem sempre os autores estão na mesma sintonia  e acaba a historia ficando desproporcional. Mas acabou que este se tornou um dos meus livros favoritos!!! Os personagens são incríveis, e super bem construídos, com personalidades fortes e definidas.É impossível não se apaixonar por Bennett e Chloe, o casal tem química,  e isso é o resultado de uma super parceria entre essas autoras MARAVILHOSAS.
Além de tudo, o livro pode te conquistar só pela capa e o excelente trabalho da editora, que esta impecavel, com diagramação simples, incrivelmente bem revisão, nenhum erro visível, paginas amareladas e um fonte bem agradável para leitura.
Enfim, nem preciso dizer que se você não leu , deve começar imediatamente, né!?

Sobre o autor:

Christina Hobbs e Lauren Billings, conhecidas pelo pseudônimo Christina Lauren, causaram um grande impacto com seu Beautiful Bastard. Tão irresistível é seu cretino que o livro entrou nas listas de best-sellers do USA Today e do New York Times, e em sua primeira semana alcançou o terceiro lugar nos mais vendidos da Amazon. 


5 comentários:

  1. Gosto de romances eróticos e me apaixonei pela protagonista. Odeio aquelas protagonistas inseguras e cheias de mimimi...
    O nosso cretino também parece bem mais real, e isto que o torna irresistível, certo?
    Já vi este livro inúmeras vezes, mas ficava em dúvida se o comprava ou não. Acho que todas as minhas dúvidas foram esclarecidas. Ele já tem um lugar especial na minha estante.

    ResponderExcluir
  2. Protagonistas fraquinhas não rola mais não, e nesse quesito o livro inovou!
    Na verdade, parece ser bem diferente de tudo o que tem por aí relacionado a este tema, e com certeza é um livro que vou ler em breve!

    ResponderExcluir
  3. Gente eu fiquei super curiosa para ler esse livro desde que vi seu lançamento de cara eu pensei esse livro deve ser muito legal, e agora com a sua resenha tenho certeza ele já esta na minha lista, é a primeira resenha que leio do livro, só tinha visto a sinopse mesmo, espero poder ler ele logo, pois eu curto livros desse gênero, eles são bem gostosos de se ler.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. Nunca li um livro 'erótico' o´´único que li e não fala bem sobre isso foi 'O Hipnostista' que conta a estória de um menino que estuprava a irmã mais velha e coisas do tipo. O livro deve ser muito bom, fiquei curiosa para lê-lo, amei sua resenha.

    ~~~ Blog Gossip Girl .... Fan Page .... Tudo sobre os famosos u-u ~~~

    ResponderExcluir
  5. Ai quero tanto ler esse livro =/ Sério...
    Praticamente todos que li do gênero foram ruins e pelos comentários positivos sobre esse livro, espero que seja diferente e seja um favorito, rs.
    É muito difícil encontrar livro bom nesse gênero =/

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz