26 julho 2014

Resenha: O Açougue Maldito - Luiz Augusto Pereira

Edição: 1
Editora: Lexia
ISBN: 9788581820972
Ano: 2014
Páginas: 178
Adicione no "Orelha de Livro
Compre AQUI - R$ 26,90


Sinopse: Em plena Ditadura Militar no Brasil de 1976, que mata e desaparece com os dissidentes políticos, Rose Ramos, resolve sair da cidade grande e voltar para a casa dos pais no interior do país. Deseja criar seu filho, na cidadezinha aparentemente bucólica e tranquila. Encontra a casa abandonada, local de um crime misterioso, onde os corpos dos pais nunca foram encontrados e acaba sendo envolvida num thriller de suspense e terror, onde vê todas as suas expectativas frustradas, quando tem seu filho desaparecido. Pressentindo o “mal”, vê que o açougue na vizinhança é o lugar onde todos encontram seu fim.
Resenha:

O Açougue Maldito é o livro de estréia de Luiz Augusto Pereira. Achei a capa do livro e a sinopse muito intrigantes por falar sobre a ditadura e claro o terror! Mas acabei me decepcionando um pouco, pois só senti medo mesmo no final! rsrsrsrsrrs
"Queria viver suas vidas em paz, longe de todo o tipo de confusão e transtornos. Talvez o exército estivesse metido naquilo tudo. Viviam num país fechado pelo regime militar. O exército costumava desaparecer com aqueles que não concordavam com o regime político instituído no país."
O livro começa com Rose Ramos chegando a uma pequena cidade no interior de São Paulo, onde decide morar com seu filho. Rose perdeu os pais à alguns anos e o marido também. Agora está sozinha com seu filho e quer a vida tranquila da pequena cidade para recomeçar a vida. A casa onde Rose vai morar é a mesma onde passou sua infância, mas está maltratada pelo tempo e pelo abandono, Rose fará o possível para deixar a casa apresentável novamente e viver tranquilamente com seu filho.



O que Rose não esperava, era que todos os boatos sobre a casa serem verídicos: fantasmas, assombrações, coisas mexendo sozinhas, passam a incomodar a nova moradora, que em apenas 2 dias de estadia na casa, começa a repensar se deveria realmente estar ali. E o açougue do outro lado da rua? Que segredos esconde seu morador bonito e atraente? Rose descobrirá da pior forma possível.

Eu gostei muito da ideia do autor em escrever este livro baseando-se em um crime que é real. Gostei também da abordagem sobre a ditadura na época e como política e livre arbítrio não se misturavam, mas esse tema foi pouco usado no livro, pequenos trechos apenas. A história também é muito diferente do crime verdadeiro, o que foi muito legal de se ler.



Mas algumas coisas deixaram a desejar: O autor é muito repetitivo durante o livro inteiro, batendo sempre na mesma tecla. A narrativa é em terceira pessoa, focando somente na protagonista, o que não foi ruim, ao contrário, o leitor sente na pele a incerteza, insegurança e medo de Rose. Mas a repetição de pensamentos e acontecimentos está ali, o que irrita um pouco o leitor. Outro ponto positivo, é que temos a impressão de estar ouvindo mesmo um conto da nossa avó, não há diálogos no livro, tudo é contado por uma terceira pessoa, fazendo o leitor lembrar de histórias e lendas de terror.

Como o autor já havia me avisado, a revisão tbm não está boa, muitos erros de concordância e acentuação, excesso de vírgulas e quebra de narrativa para o próximo capítulo. A capa é bem mole, o que deixa o livro aberto quando vc o manuseia muito. As folhas são brancas e as letras em um tamanho agradável que não prejudica a leitura. Os capítulos são curtos e não apresentam títulos, o que não acaba dando spoiler sobre o que vai acontecer! Apesar da história se passar em 1976, temos uma narrativa atual, sem palavras que possam dificultar a leitura. Outra coisa que me incomodou no livro foi as senas que deveriam ser sensuais, mas acabaram ficando sem sentindo perante o enredo que o livro apresenta.
"Ficou parada, tentando recobrar o fôlego. Alguém estaria lhe avisando de alguma coisa ruim? Seriam os espíritos dos pais que voltaram para lhe assustar, dizer algo? Estariam mesmo envolvidos com magia negra, ocultismo, e agora estariam com suas almas presas naquela casa?"
Outra coisa instigante no livro é a menção da banda Ramones, ler este livro ouvindo um bom rock é realmente uma experiência maravilhosa!
O autor já me informou que fez muitas alterações na próxima edição, então, quem tiver a oportunidade de ler, aproveite a leitura!




Avaliação:



Sobre o autor: 




Nascido no Vale do Ribeira em Miracatu no interior de São Paulo, formou-se em Historia. Ministra aulas no ensino publico da rede estadual de São Paulo, onde mora em Mogi das Cruzes e cursa Direito. " Fã do gênero de suspense e terror, sempre li os livros de grandes mestres, como Agatha Christie e Stephen King. Mas na infância nunca dispensei a leitura de toda a coleção de Monteiro Lobato e não parei mais de ler, incentivo dado nos anos primários e nos anos seguintes, no qual foi fundamental a participação de todos os meus professores, a quem sou muito grato. Pois, os livros eram colocados em nossas mãos e ávido por leitura isso contribuiu deveras para a minha formação, de professor e de escritor".

12 comentários:

  1. É uma pena quando um livro vem com esses errinhos técnicos. Me pareceu uma proposta bem interessante, mas que não foi trabalhada a fundo como merecia. Não me convenceu a ler, mas de fato chamou minha atenção. Parabéns pela resenha :D

    Abraços, Mallú Ferreira
    semclichesporfavor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Esse é um livro que não chamou a minha atenção, principalmente por ser um "narrador" contando, sem diálogos... mas excelente resenha Ana. beijo

    ResponderExcluir
  3. Que legal! eu amo livro de terror e ainda mais ele sendo nacional e o tempo do livro ser na época da ditadura é incrível! só não gostei da capa. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pela resenha Ana...ficou bakana....por ser um livro independente tudo é muito dificil, mas corrigi alguns errinhos e melhorei o projeto gráfico...não gosto muito de liivros cheios de dialogos...gosto de ir direto no ponto...quero apresentar a personagem fazendo o leitor ver a historia atraves dos pensamentos dela e do olhar dela...mas gostei muito da resenha e com certeza estarei melhorando muito nos proximos...MUITO OBRIGADO, POR AJUDAR UM AUTOR SEM PATROCINIOS...KKKKKK, valeu....conto sempre com vc...obrigado...os proximos contarei com vc, com certeza....valeu....a resenha esta otima.

    ResponderExcluir
  5. Oiii
    Também fiquei muito curiosa com a capa e com a sinopse, amo terror!!
    Contatos espirituais me instigam bastante. Achei bem legal também, envolver um crime real, nos lembra a famosa frase: "Baseado em fatos reais" kkkk
    Espero poder ler o livro!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Aii meus deuses, não vou ler isso não HAUSHAHUSHAUHSU sorry pro autor, mas não vou me interessar nadinha pelo livro HASUHAUSHUAHSU

    ResponderExcluir
  7. Oi! Me lembro quando você mostrou a sinopse desse livro, me interessei de imediato, mas agora estou indecisa. Não leio livros de terror, por medo mesmo rsrs, entretanto esse tinha me instigado a leitura, fiquei com ma enorme vontade de conferir a história, mas agora não sei se vou lê-lo.

    ResponderExcluir
  8. Oi! Me lembro quando apresentou a sinopse do livro, no tempo eu tinha me interessando, mas agora estou na dúvida, não gosto de livros que não tem muito dialogo, eles me fazem sentir-me na trama. Beijo

    ResponderExcluir
  9. Oi! Ainda não tinha visto esse livro, pela sinopse pareia uma boa trama, mas de acordo com que a resenha foi passando... Me desanimei, acho cansativo um livro com poucos diálogos. Mas quem sabe um dia dou uma chance.

    ResponderExcluir
  10. Gostei bastante da premissa do livro, parece ser excelente. Uma pena a quantidade de erros, pois isso retira valor da obra.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir
  11. Achei interessante a história ser na época da Ditadura. Pena que a narrativa fique um pouco repetitiva.

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, uma pena você pegar um livro pra ler e ele vir cheio de erros, mas é bom saber que na proxima edição isso sera resolvido.
    O livro so te assustou no final rs, você é das minhas rsrs também adoro um lviro bem assustador.
    Não acredito que va ler este livro, ja que não chega a chamar minha atenção, beijos.

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz