30 julho 2015

Resenha: O Presente - Cecelia Ahern

Desafio Literário Skoob - Capas ou Histórias que remetam ao Inverno


Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581633145
Ano: 2013
Páginas: 317

Adicione no Skoob
Compre AQUI - R$ 13,30

Sinopse: Todos os dias, Lou Suffern luta contra o tempo. Ele tem sempre dois lugares para ir, tem sempre duas coisas a fazer. Quando dorme, sonha com os planos do dia seguinte, e, quando está em casa, com a esposa e os filhos, sua mente está, invariavelmente, em outro lugar.
Numa manhã de inverno, Lou encontra Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve, do lado de fora do imenso edifício onde Suffern trabalha.
Os dois começam a conversar, e Lou fica muito intrigado com as informações que recebe de Gabe; informações de alguém que tem observado uniões improváveis entre os colegas de trabalho de Lou, como os encontros da moça de sapatos Loubotin com o rapaz de sapatos pretos...
Ansioso por saber de tudo e por manter o controle sobre tudo, Lou entende que seria bom ter Gabe por perto — para ajudá-lo a desmascarar associações que se formam fora de suas vistas — e lhe oferece um emprego.
Mas logo o executivo arrepende-se de ajudar Gabe: sua presença o perturba. O ex-mendigo parece estar em dois lugares ao mesmo tempo, e, além disso, Gabe lhe fala umas coisas muito incomuns, como se soubesse do que não deveria saber...
Quando começa a entender quem é realmente Gabe, e o que ele faz em sua vida, o executivo percebe que passará pela mais dura das provações.
Esta história é sobre uma pessoa que descobre quem é. Sobre uma pessoa cujo interior é revelado a todos que a estimam. E todos são revelados a ela. No momento certo.

Resenha:

"- As pessoas contam histórias, e aqueles que as ouvem devem decidir se acreditam nelas ou não, e isso não depende do contador de histórias."
Ha!!! Como essa autora consegue me desestabilizar e me dar arrepios com suas histórias lindas e cheias de significados!
O Presente é o terceiro livro que leio de Cecelia Ahern, e sem dúvida nenhuma, sou uma fã que com toda certeza, terá todos os seus livros na estante!


O Presente é um livro lindo, como a sinopse diz, vamos conhecer Lou Suffern, um empresário bem de vida, casado a 10 anos e pai de dois filhos, Lucy e Pud. Pud ainda é um bebê, e Lucy, com seus 5 aninhos, é uma criança adorável, mas, como sua mãe e seu irmãozinho, sente falta da figura paterna em casa. Lou nem sempre está disponível para a família. Seu trabalho ocupa todo o seu tempo, Lou sempre quer estar em dois lugares, fazer tudo ao mesmo tempo. Mas Lou não sabe que o tempo pode não estar a seu favor. Para conhecê-lo profundamente e descobrir o que realmente é importante, Lou passará por provações que começaram assim que conhece Gabe, um mendigo muito observador e cheio de segredos.
"Entretanto, a ansiedade de completar sua lista cada vez maior de desejos e a ambição de atingir o topo faziam-no passar por cima das pessoas mais importantes da sua vida. Não havia espaço em sua agenda para aqueles que, em alguns momentos do dia, poderiam lhe dar mais satisfação do que qualquer novo negócio seria capaz."
Lou é um canalha! Um homem que tem tudo e mesmo assim quer mais. Não dá valor a sua esposa e prefere passar seu tempo livre em pubs do que com sua família. Seus pais e irmão já estão cheios de suas desculpas. Sua esposa já está entregando os pontos, pois o homem com quem se casou, não é mais o mesmo. Mas Lou ama Ruth, mesmo não lhe dando o devido valor, o que lhe falta é tempo, para aprender com seus próprios erros e dar valor a quem realmente o ama.


Quando comecei a ler este livro, me deparei com uma história dentro de outra. "O garoto do Peru". como é chamado o menino que jogou um peru congelado pela janela da casa de seu pai em plena manhã de Natal, está na delegacia, aguardando sua mãe chegar. O Sargento Raphie começa então, a lhe contar um história, e é onde conhecemos Lou, Gabe, Ruth e todos os outros personagens da história. Mas, será que essa história é real? E qual será o final dela? Lou aprenderá com seus erros?
"Gabe queria explicar a Lou que pessoas como ele vivem olhando por cima dos próprios ombros, sempre atentas ao que as pessoas à sua volta estão fazendo, comparando-se aos outros, procurando conquistar coisas melhores, sempre querendo ser melhores que os outros. E o motivo de Gabe falar a Lou Suffern sobre pessoas como Lou Suffern era avisá-lo de que quem vive olhando por cima dos próprios ombros acaba tropeçando no que está à frente."
Com um enredo que se passa na época do Natal, na cidade de Dublin, O Presente é aquele livro que você começa e não vê as páginas passarem. Quando você percebe, o livro acabou e você só fica com aquela vontade de ler mais, saber mais. Por ser ambientada em Dublin (como a maioria dos livros da autora) temos as descrições incríveis da cidade e seus lugares exóticos. Conhecemos personagens que poderia ser qualquer um de nós; com responsabilidades, medos, incertezas e esperanças. Cecelia Ahern consegue passar em seus livros, lições valiosíssimas, que nos fazem refletir, querer ser melhores no nosso dia a dia.


Outra coisa que me encantou neste livro, é a facilidade que a autora narra a história: trás uma narrativa leve, em terceira pessoa, gostosa e sucinta, sem enrolações durante a história. Como vocês sabem, não gosto muito de romances melosos, e este tipo de romance me encanta muito, pois trás histórias mais realistas, com personagens fáceis de se identificar. O Presente entrou para minha lista de preferidos por ser um romance lindo, gostoso e com um personagem que me fez amá-lo e respeitá-lo. Ha! Não posso deixar de comentar o toque sobrenatural que encontrei no decorrer dessas páginas. Acredito que milagres possam acontecer, e sem dúvida Lou também passou a acreditar!

A capa é um show a parte. Linda e condiz com o enredo apresentado. A diagramação está linda, com detalhes na parte inferior das páginas; capítulos destacados com letras cursivas, numeração e um embrulho de presente. As letras estão em tamanho confortável para leitura, folhas amarelas e nenhum erro de revisão.
Enfim, se você está procurando um livro leve e com uma história única, não deixe de ler O Presente. Você vai se encantar, se emocionar, querer mais e ficar pensando sobre a história mesmo depois de fechar o livro! Super recomendado!
"Há vários tipos de alertas para despertar, mas somente um é importante."

Avaliação:


Sobre a autora:




Cecelia Ahern é filha do atual Taoiseach irlandês, Bertie Ahern. É formada em jornalismo e multimídia pelo Griffith College Dublin. Sua irmã mais velha, Georgina Ahern, é casada com Nicky Byrne, da banda pop irlandesa Westlife.
Em 2000, Cecelia fazia parte do grupo pop Shimma, que terminou em terceiro lugar na final irlandesa do Festival Eurovisão da Canção.
Aos vinte e um anos, seu primeiro romance, PS. Eu Te Amo, tornou-se o bestseller mais vendido na Irlanda (por 19 semanas), Reino Unido, EUA, Alemanha e Holanda. O livro foi adaptado para o cinema, numa produção dirigida por [[Richard LaGravenese]. Seu segundo livro, Onde Terminam os Arco-íris foi o vencedor do CORINE Award alemão. Cecília tem também contribuído escrevendo contos em livros editados por organizações beneficentes sem fins lucrativos.



6 comentários:

  1. Olá, Ana.
    Romance não é meu gênero favorito, mas acho que daria uma chance a esse porque fiquei curioso para saber se o protagonista conseguirá se tornar uma pessoa melhor e recuperar o tempo com a sua família. Sem falar que também tenho curiosidade em conferir algum livro da autora.
    Excelente dica.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  2. Oieeee,
    Eu ainda não li nenhum livro da autora, mas agora fiquei curiosa para ler, esse livro parece ser uma leitura bem gostosa, gostei do enredo, e eu ainda não li nenhum livro que o foco fosse o tempo de natal, gente eu tenho que ler algo do tipo, deve ser uma delicia.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda não tive a oportunidade de ler algum livro da autora mas com a sua resenha me deu uma curiosidade de ler esse livro, embora sua resenha tenha falado muito bem do livros só lendo pra saber mesmo né ? Mas tenho grande esperanças que vou curtir essa leitura ^^
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oiee
    Eu ganhei esse livro a pouco tempo e nem deu tempo de descobrir sobre o que se tratava.Pelo visto é uma história dentro de uma história ou algo assim?.Esses personagens que aprendem com os erros e no final realmente mudam são os melhores,espero que com Lou seja assim.A capa está fantástica e eu amei esse clima de natal.

    ResponderExcluir
  5. Olá, adorei a resenha!
    Não conhecia nada sobre esse livro, mas a forma como você descreveu a história me encantou e fiquei com muita vontade de ler!
    Da mesma autora tenho o livro PS, Eu Te Amo, mas ainda não li.
    Beijo.

    Está rolando sorteio lá no blog, vem participar -> Choque Literário

    ResponderExcluir
  6. Ana!
    Já li esse livro e me lembro que foi perto do Natal e fiquei bem emocionada com ele, mexeu com minhas emoções.
    Se contar que amo a autora.
    “A preguiça é a mãe do progresso. Se o homem não tivesse preguiça de caminhar, não teria inventado a roda.”(Mario Quintana)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz