16 novembro 2015

[Novembro Nacional] Resenha: SagradoS II - O Poder da Estrela - Anaté Merger


Edição: 1
Editora: Independente
ISBN: ASIN:B00YB509FG
Ano: 2015
Páginas: 411

Compre AQUI.

Ebook cedido em parceria com a autora
Sinopse: O segredo que a Santa Maria Madalena trouxe na bagagem para a Provença foi localizado e está a um passo de ser inteiramente descoberto aumentando a tensão e o conflito entre os anjos que querem protegê-lo e os anakins que tentam recuperá-lo a qualquer custo.
Jovens são raptadas, os rituais com encantamentos ancestrais se tornam mais sombrios e demônios asquerosos são usados em assassinatos violentos.
Lucien Anancara reúne as diversas Ordens de Alquimistas, Observadores, Mélusines e Sagrados e os lidera no contra-ataque para evitar novas mortes e descobrir quem se esconde por trás de uma eficaz barreira de proteção que o deixa invisível para os anjos. Os perigos surgem de onde menos se espera e os dons de cada um deverão aparecer no momento certo.
Diana e Chloé precisarão de coragem para superarem o medo e aceitarem um novo mundo repleto de seres extraordinários, aventuras e surpresas onde elas serão determinantes.
Anne, Nina e Thérèse precisarão de perspicácia para descobrirem quem elas realmente são à medida que se aproximam da resposta sobre o misterioso "Véu de Maya" e quem vai ser o futuro Eleito.
Os filhos dos Sagrados precisarão de fé para se encontrarem com a sua força interior se tornando os poderosos Portadores da Estrela, os únicos capazes de desvendarem o maior segredo da Aliança de Maria Madalena.
Mas será que eles vão aceitar o caminho que vai levá-los à extraordinária verdade e a uma difícil e impensada escolha entre o Bem e o Mal?
Embarque nessa viagem para Paris, Avignon, Siena e outros cenários espetaculares em uma continuação que vai fazer você mergulhar em um jogo de pistas sensacional onde o véu de todos os segredos começa a ser retirado.
"O Poder da Estrela" é o segundo volume da trilogia Sagrados.

Resenha:

O Poder da Estrela é o segundo volume da trilogia SagradoS, o primeiro volume, A Aliança de Maria Madalena, já foi resenhado aqui no blog e eu aguardava ansiosamente a continuação.
Neste volume, muitos dos mistérios apresentados no primeiro livro serão revelados, mas tantos outros nos deixarão desejosos pelo último volume.
Gostei muito do primeiro livro e esperava gostar tanto ou mais deste, mas, infelizmente, senti falta de algo mais complexo.


Como o livro possui muitos personagens, o leitor precisa ficar atento durante a leitura, várias vezes precisei voltar alguns capítulos para entender o que havia acontecido. A narrativa inusitada também cobra seu preço: não tenho costume em ler livros com narrativa atual, só quando o volume é todo narrado em primeira pessoa, o que não acontece aqui - temos uma divisão de narrativas, como no primeiro livro - em primeira pessoa para Diana, e em terceira pessoa para os demais personagens.
Não que eu não tenha gostado, como disse, é algo inusitado e que não costumo encontrar, achei diferente e em certo ponto, até interessante, mas não consegui me envolver com a leitura deste volume como me envolvi com a leitura do primeiro.

Além dos personagens já conhecidos do primeiro volume, somos apresentados a mais alguns, o que tornou a leitura um tanto difícil para mim. Lembrar dos nomes de todos? Não consigo, mas claro, que tenho meus personagens preferidos, como Diana, Lucien, Enrico e Yves.
Devo ressaltar que Diana e Chloé me irritaram profundamente neste volume. Continuo gostando muito de ambas as personagens, mas suas dúvidas e receios me deixaram muito brava com elas. Diana deixou de ser aquela personagem forte e decidida para se tornar "a mulher do Sagrado". Ela ganhou pouco destaque neste volume, mesmo com todas as descobertas sobre ela. Os poucos capítulos narrados por ela, foram em suma, dúvidas, medos e receios sobre o mundo que descobriu recentemente. Não consegui entendê-la durante boa parte do livro, uma hora ela aceitava o que estava acontecendo e até ajudava; noutra ficava pensando em banalidades e dizendo, mentalmente, que estava louca por participar daquilo.... enfim....


A história não tem salto de tempo, começa de onde o primeiro volume parou e segue continuamente. Os Sagrados se reúnem para impedir que a Arca seja encontrada pelos anakins e outras criaturas sobrenaturais são enriquecidas na história, tornando tudo mais fantástico. O final me deixou mais curiosa do que quando terminei o primeiro volume e estou ansiosa para conferir o desfecho dessa saga mágica.

Recebi o e-book em parceria com a autora e encontrei poucos erros de revisão. Os capítulos são maiores e contém imagens dos locais onde a história se passa. A autora pensou em tudo neste quesito: como o livro é mais sombrio, as imagens também são, achei isso fantástico, de muito bom gosto.
A capa é linda e condiz perfeitamente com o enredo. Temos muitas cenas de ação e lutas. Conhecemos muito sobre a França e algumas de suas cidades mais antigas. As descrições dos lugares é maravilhosa, e leva o leitor para dentro da história.


Para quem gosta de fantasia misturada a crença local, este é um ótimo livro para se ler. Claro que indico!


*Trilogia SagradoS - Acompanhe as resenhas:
- O Poder da Estrela - Livro II


Avaliação:


Sobre a autora: 


Formada em jornalismo e com um mestrado em comunicação internacional no Institut d'Études Politiques em Aix-en-Provence, Anaté Merger trabalhou por 17 anos como jornalista em várias emissoras de TV e jornais brasileiros até se mudar para a Provence em 2004.
Franco-brasileira, casada, dois filhos, Anaté Merger é empresária no ramo do turismo. A estreia como escritora de ficção foi nas antologias Amores Impossíveis e Segredos de Família.
O primeiro volume da série SagradoS - "A Aliança de Maria Madalena" - foi lançado em seguida. A continuação da trilogia Sagrados, "O Poder da Estrela", é o seu terceiro romance.


6 comentários:

  1. Ana!
    Estou com Sagrados I aqui para leitura e fiquei ainda mais curiosa após sua resenha e suas considerações sobre o livro II, terei de me adiantar na leitura para acompanhar esse..
    “A alma é essa coisa que nos pergunta se a alma existe.”(Mario Quintana)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Ana Paula.

    Nossa essa trilogia parece ser muito interessante, pena que o 2° não foi tão bom quanto o 1°. Adorei a resenha e vou deixar a dica anotada, quando sair a resenha do 3° eu decido se irei ler ou não.
    Um abraço,
    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ana.
    Uma pena que o segundo livro não tenha te te surpreendido tanto quanto o primeiro. Isso acontece algumas vezes.
    Quanto ao número extenso de personagens, isso pode ajudar ou atrapalhar, tudo depende de como foram trabalhados. Gostaria de conferir essa construção da autora.
    Excelente resenha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do top comentarista de novembro. Você pode ganhar um livro incrível!

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana Paula, tudo bem? Muito obrigafa pela resenha, agora é so esperar o final da historia. ;-) Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Olá!!
    Como gosto muito de fantasia eu leria esse livro sem duvida, mais confesso que não gosto muito quando a historia traz muitos personagens eu sempre me confundo e a leitura fica mais lenta por conta disse, porque agente sempre parando pra v se não deixou passar nada ou pra lembrar quem é quem, mais pelo conjunto gostei bastante e espero ter a chance de ler!!
    Bjocas

    ResponderExcluir
  6. Oi! Não gostei do primeiro, ele não conseguiu me atrair mesmo que tinha mistérios na trama. Acho chato também quando a personagem que era tão decidida agora se torna insegura. Não curto quando uma trama tem muitos personagens, não sei se isso tem necessidade.

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz