17 fevereiro 2016

Resenha: Manhã de Nupcias - Lisa Kleypas

Edição: 1
Editora: Arqueiro
Autor: Lisa Kleypas
Serie: Os Hathaways – Livro 4
Titulo Original:  Married By Morning
ISBN: 9788580412895
Ano: 2014
Páginas: 272
Tradutor: Maria Clara De Biase

Sinopse:
Quando herdou o título de lorde Ramsay, Leo Hathaway e sua família passavam por um dos momentos mais difíceis de sua vida. Mas agora as coisas vão bem. Três de suas quatro irmãs já estão casadas, uma preocupação que Leo nunca teve consigo mesmo. Solteiro inveterado, ele tem uma certeza na vida: nunca se casará.
Mas então a família recebe uma carta que pode pôr tudo isso em risco: se Leo não arrumar uma esposa e gerar um herdeiro dentro de um ano, ele perderá o título e a propriedade onde todos vivem.
Solteira e sem pretendentes, a governanta Catherine Marks talvez seja a única salvação da família que a acolheu com tanto carinho. O único problema é que Leo não compartilha do mesmo afeto que suas irmãs têm pela moça.
Para ele, Catherine é uma megerazinha cheia de opinião que fala demais. Apesar de irritá-lo e quase o levar à loucura, ela é a primeira – e única – mulher com quem ele considera se casar.
Catherine, por sua vez, tem uma opinião igualmente negativa a respeito do patrão. Além disso, ela esconde alguns segredos do passado e um deles pode destruir a vida que tão cuidadosamente construiu para si.
Agora Leo e Catherine precisam um do outro, mas para vencer as dificuldades e consertar as coisas eles terão que superar as turras e as diferenças, num romance intenso e sensual que só Lisa Kleypas poderia ter escrito.

Manhã de Nupcias é o quarto livro da serie os Hathaways da autora Lisa Kleypas, precedido por "Desejo a meia -Noite", "Sedução ao Amanhecer" e "Tentação ao Por do Sol". Para conferir as resenhas é só clicar nos respectivos títulos.

Resenha:

Começo a resenha de hoje com um sentimento de tristeza, aquele gostinho amargo da despedida iminente, já que este é o penúltimo livro da serie Os Hathaways. Como vai ser minha vida após? Não tenho nem ideia!! #drama.
Mas eu estou bem feliz com os rumos que os personagens estão tomando.Eu amei todos eles do mesmo modo que amo quase todos os personagens.

Em “Manhã de Nupcias” vamos acompanhar a vida de Leo Hathaway, o único homem da família.
Para quem não acompanha, os livros dessa serie não podem ser lidos separadamente como alguns outras do gênero. Os Hathaways estão interligados em suas historias e as tramas se desenvolvem em ordem cronológica. Então, o nosso protagonista da vez não é um completo desconhecido para os leitores.

No primeiro livro nos conhecemos um pouco sobre Leo Hathaway, como sua vida mudou quando a noiva morreu de escarlatina e ele e a irmã também contraíram a doença. Mas, principalmente sabemos como isso o destruiu.
Na verdade, em todos os livros até então, temos alguns nuances de Leo, algumas cenas importantes que mostram ao leitor algum detalha sobre a sua personalidade. Mas agora, em “Manhã de Nupcias” nos vamos entrar na mente um tanto perturbada de Leo e descobrir em detalhes tudo relacionado a ele.
Só que, neste exato momento da trama, Leo vai precisar assumir responsabilidades, ou fugir delas, o que é o mais provavel, vindo de Leo é claro.

Cam e Merripen acabam de descobrir uma clausula ligada a casa que veio junto com o título que Leo recebeu de Lord Ramsay, que determina que ele precisa casa e ter um herdeiro no prazo de cinco anos, se não, perde a propriedade. Cinco anos, ok, é um prazo longo,não é? Mas já faz quatro que ele recebeu o título, ou seja, ele tem apenas um ano para achar uma esposa, com prazo suficiente para o período de gestão e o nascimento do bebe.
"- Tenho família mais que suficiente com a qual lidar. E há coisas que preferiria fazer a me casar.
- Como o quê?
- Ah, cortar minha língua e me juntar aos monges trapistas... rolar nu sobre melaço e cochilar em um formigueiro... Devo continuar?"
É claro que essa ideia é inconcebível para Leo, por ele, deixaria a casa de bom grado se a outra opção fosse o matrimonio. Mas, ele também sabe que a família, principalmente Cam e Merripen, trabalharam muito para transformar a Ramsay house de um lugar deplorável em uma mansão bonita em terras férteis. E somente por isso ele aceita a ideia da irmã de promover um baile com o intuito de lhe apresentar as moças solteiras disponíveis da região.
Mas Leo também está em um conflito de emoções. Quando sua noiva Laura faleceu em seus braços, ele perdeu o interesse pela vida, e apesar de nos dias atuais não mais recorrer aos vícios para entorpecer a sua dor, ele prometeu nunca mais entregar seu coração. Só que Catherine Marks, a governanta rabugenta e de língua afiada que Cam contratou a alguns anos para ensinar regras de etiqueta para Poppy e Beatrix vem lhe tirando o sono.
Apesar das constantes brigas e provocações entre eles, Leo se sente atraído por Catherine, e quando ele descobre fragmentos do passado sombrio da moça, esse interesse se torna ainda mais obsessivo e ele vai fazer de tudo para descobrir quais são os fantasmas do passado de Cat.
"E enquanto ele estava sentado lá, examinando-a com olhos azuis maliciosos, ela sentia uma contração perturbadoramente agradável no coração, seguida por uma sensação de desequilíbrio. O tombo seria tão grande, tão grande... e ainda assim ela parecia impotente para afastar o perigo. Só conseguia ficar lá com seu equilíbrio precário, suspensa pelo desejo e pelo perigo... incapaz de se salvar."
Gente, vocês bem sabem que eu amo todos os livros dessa serie (um pouquinho menos “Sedução ao Amanhecer”, mas enfim...), e que me divirto horrores os lendo, mas este elevou o nível, eu sorri, ri, gargalhei e quase perdi o controle da risada, sabe, quase imitando um porco, de tanto que me diverti. Leo é perfeito e Catherine é a melhor e ambos são divertidos ao extremo.
O livro é repleto de diálogos engraçadíssimos e muito inteligentes. Os protagonistas são duas forças da natureza, e quando colidem, solta farpa pra tudo que é lado, é impossível não rir até a barriga doer.
Mas, ao mesmo tempo, existe uma bagagem emocional em ambos os personagens, que equilibra a balança e tira a trama dessa zona da comedia, pincelando com drama essa aparente leveza da historia.

Os personagens são geniais, e apesar de não serem os meus preferidos, são de longe os mais complexos. Nenhum deles é estereotipado, Leo é o anti herói que faz piada da vida e não acredita que algo bom possa acontecer. Ele vai vivendo um dia após o outro e não espera nada. E Catherine também é do mesmo modo. Ela esconde um passado sombrio e isso consome tudo de bom em sua vida. Ambos são perfeitamente imperfeitos e se completam, apesar de não admitirem.

Enfim, este livro é uma trama completa,  que mescla drama, um romance sensual e suspense de forma totalmente coesa. A trama também é extremamente bem costurada e dá para o leitor sentir que é um preludio para o iminente fim da serie. Também é notório a evolução da escrita da autora,  os últimos livros estão perfeitos do inicio ao fim.

A narrativa do livro é feita em terceira pessoa, proporcionando ao leitor uma visão detalhada de ambos os personagens. E, como todos os livros da serie até então, tem uma narrativa bastante fluida e fácil de ler. É um livro para esquecer das horas e devorar.

O livro físico, eu acho que nem preciso dizer, segue o padrão de qualidade da editora Arqueiro, ou seja, uma perfeição. A diagramação é bem simples, mas de boa qualidade, e a capa é maravilhosa, uma das minhas preferidas da serie.

Para concluir preciso dizer que: EU AMEI O LEO!!  Ele quase se tornou o meu preferido!! Mas quase, meu coração ainda é de Harry Rutledge. Poppy que me desculpe!! HAHAHA
“Deixe-me zelar por seus sonhos. E saiba que amanhã de manhã, e em todas as manhãs depois disso, você acordará perto de alguém que a ama.”
Sobre o autor:

Depois de se formar na Universidade de Wellesley em Ciências Políticas, publicou seu primeiro romance aos vinte e um anos de idade. Em 1985, ela foi nomeada Miss Massachusetts e competiu o Miss América, em Atlantic City. Lisa está casada e tem dois filhos.
Em sua página na web, a autora conta: "Comecei a escrever romances porque sempre amei lê-los. Indiscutivelmente, fui uma nerd durante toda a escola primária e, mesmo "florescendo" na secundária, acredite, a nerd interior ainda estava aqui. Nunca pude imaginar um tempo melhor aproveitado do que lendo um livro, e este amor pela leitura, com o tempo, se traduziu num profundo desejo de escrever um."

14 comentários:

  1. Bem sinceramente até o momento não li nada dessa autora, mas fiquei bem curiosa para saber como ficou pela arqueiro, porque até então so li romances históricos pela Herlequin. A capa é linda.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que coisa que dá rever esses livros. Já li faz um bom tempo e as tramas vão se apagando, mas não o amor que senti por esses livros. Valeu cada segundo, são lindas histórias. O do Leo é tão fofo! Adorei esse livro e foi um dos preferidos, mas não tem como escolher o melhor. As tramas são boas demais né? E quando chega no ultimo....ah, que tristeza =/


    ResponderExcluir
  3. Oi Geeh!
    Confesso que não li nenhuma obra da autora. Mas pretendo corrigir isso assim que terminar Os Bridgertons da Julia Quinn.
    Que por sinal, foi quem abriu o leque pra esse gênero, do qual me apaixonei perdidamente.
    Espero que Os Hathaways seja tão bom quanto. Já que vejo muito elogios e resenhas sempre positivas pra série.
    Também achei as capas lindíssimas...
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada da Lisa e sou meio desconfiado para ler, mas, pela sua resenha, a narrativa e escrita da autora são super agradáveis e a trama parece bacana e cheia de reviravoltas. Abraços, amei a resenha.

    ResponderExcluir
  5. Sou apaixonada por estes romances de época. São tão envolventes e cheios de diálogos divertidos. Este parece ter um charme todo especial. Amei conhecer os personagens deste livro e a história que os envolve.
    Os Hathaways é uma serie que estará em minha lista de desejados.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Esses romances ♥♥♥
    ameiii a resenha ,muito boaa!!

    ResponderExcluir
  7. Aaaaahhhhh como eu quero começar a ler logo essa série, ainda não li nenhum livro e quero muito, eu achava que eles podiam ser lidos separadamente, mas eu sou chatinha e sempre gosto de ler na ordem, mesmo que não seja necessário, amei a resenha, tenho certeza de que vou gostar muito do Leo hahaha, amei a resenha, e to vendo que o livro vai me fazer gargalhar muito.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Como eu amo romances de época, não poderia deixar de ter lido a série Os Hathaways, li ano passado e adorei, pretendo reler esse ano de novo, adorei a resenha, os livros da série são com certeza bem divertidos e se tu gostou dessa série recomendo tu ler Os Bridgertons da Julia Quinn, que me desculpe os Hathaways mas são meus preferidos!

    ResponderExcluir
  10. Oi@!
    Ainda não li nenhum livros da serie Os Hathaways, mas depois de ouvir falar tanto nessa serie fiquei bem interessada e lendo a resenha o livro me envolveu e gostei de ser uma historia divertida principalmente os dialogas entre o Leo e a Catherine, mas como não pode ser lida independente quero ler os outros livros !!

    ResponderExcluir
  11. A família Hathaways é bem comentada, mas ainda não li nenhum livro da série, mas tenho vontade de ler. É bom saber que a série foi muito boa desde o começo e os personagens são queridos. Fiquei intrigada imaginando que passado sombrio é esse da governanta, atiçou minha curiosidade kkk.

    ResponderExcluir
  12. Resenha muito boa.
    Faz tempo que quero ler a serie da família Hathaways, ouvir muitos elogios, você mostrou tanta empolgação ao ler esse livro, que me deixou morta de curiosidade para dar uma conferida.

    ResponderExcluir
  13. aaah, AMEEEI sua resenha!!!
    Lindaaa, estava há anos com vontade de ler esses livros, mas já estava adormecida, agora fiquei tão ansiosa e curiosa que preciso pra hoje!!!
    Mas coitado desse homem, um ano pra arrumar mulher, casar e ter filho, não e mole não kkkkk
    e você riu tanto que me deixou com mais vontades, amooo livros que me fazem rir!!
    bjoss

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Já vi várias resenhas sobre este livro e todas falam as mesmas coisas que você. Adorei a resenha, muito boa e me deixou com ainda mais vontade de ler. Beijos.

    potato-purple.blogspot.com
    youtube.com/potatopurpleblog

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz