04 abril 2016

Resenha: A Fada Madrinha - Kate Willians


Edição: 1
Editora: Arwen
ISBN: 9788568255261
Ano: 2015
Páginas: 264

Compre: Arwen Store 

E-book cedido em parceria com a editora
Sinopse: Uma princesa mal humorada. Um príncipe nada encantado e uma fada para lá de atrapalhada.
Isso vai terminar em casamento ou em uma grande confusão?
O sonho da fada Emily sempre foi ser responsável por um “Felizes para Sempre” e ela está disposta a tudo para realizar seu sonho.
A princesa Cate nunca quis o seu “Felizes para Sempre”, mas não está nada conformada com seu destino.
Harry não está nem aí para o “Felizes para Sempre”, só quer se livrar da chata da Cate.
Quando todos precisam trabalhar juntos para restaurar a ordem no mundo das fadas, o que era importante torna-se insignificante e grandes verdades são reveladas. Tudo com muito humor e diversão. 



Imagine um conto de fadas nada convencional! Sim ele existe e conta a história de uma fada chamada Emily. O sonho de Emily é realizar um lindo “felizes para sempre”, só o que ela não sabe é na confusão em que irá se meter quando vai de encontro com a criança que fez o pedido.
"- Porque está me abraçando seu babaca? - Resmungou a princesa, sentindo a língua pesar ao falar, quase como se estivesse coberta por açúcar. O príncipe sorriu, abraçando-a ainda mais forte.
- Que saudade de ouvir essas suas doces palavras! "
Nora a irmã mais nova da Princesa Catarina (mais conhecida como Cate), cansada de ver o mau humor de sua irmã faz um pedido em seu aniversário desejando que Cate tenha uma fada madrinha que a ajude se apaixonar por um príncipe e deixar de brigar com todo mundo.
Cate por sua vez, se vê com esse presente maravilhoso em mãos e ela tem a oportunidade de livrar-se de um casamento arranjado com um príncipe. O que ela realmente quer é ser livre e poder ir onde desejar. E vai tentar de todas as formas com a ajuda de Emily fazer com que o príncipe desista.

Harry um príncipe que, cansado de ser a ovelha negra de sua família e de ser sempre comparado ao irmão mais velho, tenta com muito custo, seguir com sua vida de forma que não entre em desacordo com seus pais. E vê em seu casamento com a princesa um jeito de agrada-los, mesmo não concordando. Mas será que isso dará certo? Bem vocês terão que ler para descobrir!
"Deparou-se com uma pequena menina, de sete anos de idade, de longos cabelos louros cacheados e grandes bochechas, que dormia tranquila. Emily pousou sobre os lençóis floridos e caminhou em cima da barriga da humana. Assustou-se ao se deparar com enormes olhos azuis surpresos quando por fim, alcançou o peito da garotinha.
- Quem é você? - Perguntou a menina, encantada. Emily sorriu.
- Sou sua fada madrinha."
Eu sinceramente gostei, mesmo que o público alvo seja para os mais jovens. A narrativa é em terceira pessoa e se passa de forma clara e com humor, uma mistura de realidade e fantasia. Nesse ponto para alguns poderá ser interpretado como falta de imaginação por parte da autora mas pra mim ficou ótimo, um conto de fadas com o quê de realidade em meio à um mundo fantástico. Os personagens não deixaram a desejar achei-os cativantes, engraçados, determinados e apaixonantes.

Jurava que por ser um conto de fadas seria clichê, mas o enredo sai do convencional de príncipes e princesas; do tipo que se apaixonam à primeira vista, vem uma bruxa malvada que os separam e aquele bla bla bla que todo mundo conhece. Aqui, eles já começam se odiando, o que é hilário, é cada gentileza de Cate pra Harry que o coitado tem uma lista de insultos e apelidos.  Will apaixonado por Emily e ela nem percebe, foca tanto no sonho que esquece do coitado.
"- Vocês são namorados? - William perguntou curioso. - A Emily conseguiu juntar vocês?
- Claro que não, William! Ficou maluco? - Catarina gritou com a voz um pouco esganiçada. Deram sorte por não poderem ser ouvidos.
- É, imagina. Eu e essa maluca aí? Nem se ela fosse a última mulher na Terra. - Harry respondeu, olhando a princesa fixamente. Ele odiava quando ela dizia aquelas coisas. Como se ele fosse a criatura mais repugnante do planeta. Estava na hora de começar a fazer o mesmo."
No contexto geral eu amei a história, um conto de fadas sem ser chato e entediante, com uma escrita leve e um enredo nada convencional e muito engraçado. A capa é linda e condiz com o enredo apresentado. Recebi este e-book em parceria com a editora, por isso não vou falar muito sobre diagramação e revisão. Mas confesso que se o livro for publicado com os detalhes que o e-book possui, com toda certeza estará lindo!

Do mais, indico sim a leitura! Espero que vocês gostem tanto quanto eu gostei!


Avaliação:


Sobre a autora:




Kate Willians é escritora e estudante de letras. Escreveu seu primeiro livro aos 15 anos e o segundo Debaixo das minhas asas, publicou aos 17. Já foi a blogueira responsável pelo Drunk Culture e hoje se dedica apenas a escrita. Tem 20 anos e o seu maior sonho, é encantar as pessoas com suas palavras. A literatura a salvou, e espera um dia conseguir usar a mesma fonte para salvar outras pessoas. É extremamente apaixonada pelo que faz e adora passar o tempo livre com a família e com um pug bagunceiro e totalmente sem noção chamado Bob.






5 comentários:

  1. Amei a resenha.
    Já vou confessando que eu seria uma das pessoas que julgaria como falta de criatividade da autora, porém foi bom alguém já me avisar que isso poderia acontecer kkkk.
    Faz tempo que esse livro estar na minha lista, eu sou louca de paixão por contos de fadas não convencionais ou readaptados, são simplesmente maravilhosos, já me apaixonei pela escrita sem nem ler.
    Vou com certeza garantir o meu exemplar e desfrutar dessa leitura.

    ResponderExcluir
  2. Amei a resenha, muito obrigada pelo espaço e por palavras tão sinceras. Criei essa história com muito amor e carinho e fico feliz que esteja atingindo as pessoas! Um super beijo!

    ResponderExcluir
  3. Cinthia, eu adorei a sua resenha! Se antes já estava maravilhada pela sinopse, depois de ler sua resenha, estou completamente encantada e realmente muito curiosa para descobrir mais do desfecho do livro.
    Saber o quanto toda a trama te agradou e como a autora criou uma estória que foge do típico conto de fadas com personagens cativantes e únicos, me instigou a procurar A Fada Madrinha para ler em breve. Amei a dica!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha. Bem detalhada,em um primeiro momento nao me interessei pelo livro,mas depois de ler a resenha fiquei interessado na história.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Cinthia.
    Apesar dessa variação deles começaram se odiando, acredito que a obra não deva fugir muito da estrutura dos contos de fadas. Ademais, por ser um livro voltado para o público mais jovem, acredito que posso não gostar de alguns detalhes.
    Contudo, você falou tão bem da obra que talvez eu dê uma chance.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de abril. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz