26 novembro 2016

Resenha: Drácula - Bram Stocker


Autor: Bram Stoker
Duração: 12:30:53
Narrador: Vários
Editora: Editora Ubook

Ganhe 30 dias para ouvir grátis! Clique AQUI.
Sinopse: Bram Stoker publicou “Drácula” em maio de 1897, estruturando-o como um romance, escrito a partir de uma série de cartas, relatos, diários pessoais, reportagens de jornais, registros de bordo, etc. Ele nos apresenta também os costumes, tradições e a cultura da Inglaterra vitoriana e o a reação dos britânicos com relação ao que vem do estrangeiro. A atmosfera gótica é o pilar do romance: a maior parte da história se passa na Inglaterra, berço da civilização industrial. Quando o conhecimento científico encontra seu limite para lidar com os fatos, resta o conhecimento popular. É assim que Van Helsing tira os procedimentos necessários para lidar com o vampiro. As dicotomias entre as figuras do bem e do mal são figuradas nos personagens humanos e nos vampiros. O único contato entre os universos é a sensualidade e o erotismo.
Vozes de Adriano Pellegrini, Lacarv, Alfredo Boneff, Cristina Flores, Morgana Bernabucci, Daniel Coutinho e grande elenco.




Eu sempre quis conhecer a verdadeira história de Bram Stocker, no entanto, só posterguei essa vontade. Assim, quando vi que na Ubook tinha o livro para ser ouvido, não perdi tempo e comecei a ouvi-lo. Agora, conto para vocês o que achei.
"A população da Transilvânia se compõe de quatro nacionalidades: os saxões, ao sul, e misturados com os valáquios, descendentes dos dácios; os magiares, a oeste, e os zequelis, a leste e norte. Estou viajando para a região habitada por estes últimos, que se dizem descendentes de Átila e dos hunos. Segundo li, existem ali as mais curiosas superstições do mundo. (Nota: falar ao Conde a esse respeito.)"
Como a sinopse diz, o livro todo é estruturado a partir de cartas, relatos, diários pessoais, reportagens de jornais e etc. Logo no começo, somos apresentados a Transilvânia pelos olhos de Jonathan Harker, um jovem advogado que foi enviado a esta terra estranha para conceder o desejo de seu novo cliente. Jonathan então, passa a relatar toda a sua viagem e estadia. Também conta sobre as coisas estranhas que presencia no castelo de seu cliente, o Conde Drácula.

Assim a história se dá início, depois da temporada de Jonathan na Transilvânia, somos levados a Inglaterra onde a história começa a se desenrolar e também acompanhamos os relados de Lucy Westenra, Mina Murray, John Seward, Quincey Morris, Arthur Holmwood e Dr. Van Helsing.
"Este recado é para Jonathan Harker.
Deve ficar com Madame Mina. Vamos sair para fazer novas investigações mas para você nada há de mais importante que ficar ao lado dela. Nosso inimigo voltou para o seu castelo na Transilvânia. Ele é muito esperto e sabia que seu jogo aqui estava terminado. Temos agora que descobrir o navio e persegui-lo. Pode ficar confiante. A batalha apenas começou e havemos de vencê-la.
VAN HELSING"
Diferente dos filmes que já assisti, o livro consegue ser original e gostoso de ouvir. A narrativa em relatos é bem construída e a linguagem é atual, deixando o leitor ávido por saber mais. Cada personagem tem seu próprio narrador e podemos diferenciá-los também pelos capítulos que são descritos antes de a história prosseguir. Contudo, senti falta de saber as intenções de Drácula por ele mesmo, pois o mesmo é visto como um mau, o diabo na terra.

Não é a toa que o livro é um clássico da literatura, a escrita ágil e sem rodeios do autor nos leva a querer saber mais. A emoção de querer saber o que está por vir faz o leitor só parar de ouvir quando o livro, infelizmente, acaba.
"— Pensam que podem me enfrentar? — gritou para nós. — Ainda vão sofrer muito! Pensam que me deixaram sem lugar para descansar, mas tenho mais. Minha vingança está apenas começando! Suas mulheres, que vocês amam, já são minhas. E, através delas, vocês todos serão minhas criaturas."
Do mais, adorei poder ter mais essa experiência com a Ubook. O trabalho deles é profissional e a cada livro que ouço, fico mais interessada ainda em ouvir os demais. Para quem ainda não conhece, vale a pena experimentar o primeiro mês gratuito que a Ubook oferece.


Avaliação: 


Sobre o autor: 






Escritor irlandês conhecido por ter escrito o clássico do terror 'Drácula', sua obra criou o mito literário do vampiro de hoje. Escreveu seu primeiro aos 16 anos. Tornou-se administrar do Royal Lyceum Theatre em Londres, trabalho que dividia com as histórias que escrevia, em geral com vampiros







.

12 comentários:

  1. Ana!
    Foi a partir da leitura desse livro que me apaixonei pelos vampiros.
    Não tive ainda a experiência de ouvir um livro, deve ser muito bom.
    “Só a mágoa deveria ser a instrutora dos sábios; Tristeza é saber.”(George Lord Byron)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Até que gosto de livros de vampiro, apesar de não ter lido muitos, no entanto acho que não iria me envolver muito com essa obra. Até porque prefiro aquelas clichês com romance e outros afins. A cada vez que leio uma resenha de um livro que você tenha escuto, mais curiosa fico para poder saber qual é a sensação.

    ResponderExcluir
  3. É um livro realmente clássico e que até hoje inspira muitas séries, filmes e outros livros!
    Bom, admito que não gosto deste gênero literário mas considero esse autor genial e articuloso. Com certeza muitas pessoas vão gostar do livro =)

    ResponderExcluir
  4. Primeiramente que bacana que esta curtindo muito ouvir um livro, deve ser uma experiencia e tanto, como você eu também quero conhecer a historia contada por Bram Stocker.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  5. Eu amo os livros do Drácula!
    Tenho uma edição lindíssima de conos deles!
    é um livro classico que todos amam!
    As histórias são fantásticas!

    ResponderExcluir
  6. Quem não gosta desse mundo hein? Realmente deve ser uma delicia ler sobre Dracula.
    A grande novidade pra mim é ouvir a historia. Não sei se daria certo pra mim, mas nunca tentei também. Acho diferente, deve ser una experiencia e tanto!

    ResponderExcluir
  7. Oi.
    Ainda não li nenhum livro nesse estilo, mas creio que gostaria.
    Mas quanto a ouvir a história, não acho legal. Não teria concentração para isso. Prefiro os livros físicos. Gostei muito da resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Ana.
    Nunca usei essa estratégia de "escutar um livro", mas deve ser uma sensação bem legal. Porém, talvez eu não tenha a concentração necessária para isso.
    Quanto ao livro especificamente, esse é um clássico que eu estou devendo a leitura. Contudo, pretendo mudar isso em breve. Afinal, nada melhor do que uma boa leitura, com bons narradores e um terror básico.
    Ótima dica!

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de novembro. Serão dois vencedores, dividindo 3 livros.

    ResponderExcluir
  9. Tá aí um livro que deve ser bom de ouvir mesmo. Sempre tive certa curiosidade pra ler essa versão, porque filmes e coisas do gênero já vi e gostei, mas ler nunca li. Acho que esse eu ouviria, até porque é uma forma diferente e interessante de ver como é essa história. Boa dica.

    ResponderExcluir
  10. Ainda não tive a oportunidade de ouvir um livro, para saber qual é a sensação, tenho vontade de ler esse clássico, ainda bem que a linguagem é atual, pois tenho problema com as linguagens dos clássicos rs. Deve ser muito bom saber os detalhes sobre essa historia.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Ana!!
    Fiquei bem surpresa com o livro pois sempre gostei muito de filmes e livros que falam de vampiros e esse parece ser bem interessante!! Principalmente por que em fez de ler iria ouvir sobre essa história.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi, Ana!
    Meu namorado está lendo esse livro e ele sempre reclama comigo de achar que a história não prende no início. Ele falou que o livro começou a ficar interessante lá pelas 200 páginas kk comentou que era como se fosse uma coleção de cartas, textos e tals e que a história custava a passar por isso. Eu achei interessante ser uma coleção de artigos históricos, mas não me interesso muito pelo gênero.
    Ele tem a edição capa dura e é muito bonita. Muito bem trabalhada e a diagramação ficou incrível. Talvez eu pegue emprestado com ele pra ler haha'

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz