31 maio 2017

Resenha de Contos: Provocações - Julianna Costa




Edição:
Editora: Amazon
ISBN: B06VVMT89S
Ano: 2017
Páginas: 84

Compre: E-book Kindle
Sinopse: Conto erótico.
Yasmine é uma prostituta de luxo prestes a receber a maior oportunidade de sua carreira, dentro da mais imponente empresa pornográfica internacional. Mas primeiro, para garantir sua posição, ela vai precisar impressionar o chefe.
Sven Delvak é o presidente da Willex Entretenimento Adulto. Com uma fama que o precede, uma arrogância sensual e um apetite incomparável, Delvak vai precisar se certificar que Yasmine está pronta para dar o próximo passo.
Eles terão um fim de semana juntos.
Um fim de semana para provocar um ao outro até os seus limites.
Quem desistir primeiro, perde... e Yasmine sabe que não pode ser ela.



Como vocês sabem, sou fã da Julianna. Sempre que ela lança um livro ou e-book, eu só falto vender a alma para comprar! rsrsrsrsrs
Ainda não consegui ler todos que eu tenho, falta 2 livros e um conto que vou começar a ler logo depois que eu escrever essa resenha, pois é tipo uma continuação de 23 Noites de Prazer e  preciso rever Nahia! <3
"O Negligê não é apenas um clube ou uma festa.
O Negligê é uma escola.
Uma escola secreta, escondida nas entranhas da maior empresa da indústria pornográfica mundial, a Willex Entreterimento Adulto. Para entrar, você precisa ser convidado. Para seformar, você precisa experimentar loucuras sexuais inimagináveis."
Em Provocações não vamos encontrar nenhuma protagonista estabanada e engraçada como é de costume nos livros da autora. Aqui, vamos conhecer Yaya, uma prostituta de luxo que vai enfrentar um teste delicioso: passar um final de semana com Sven Delvak, o presidente da Willex, uma empresa que promove entretenimento adulto.

Yaya é uma mulher fogosa e que gosta do que faz. Independente e verdadeira, Yaya sabe que que Sven pode arruiná-la se ela não passar no teste. Mesmo com toda a tensão que a ronda, Yaya vai aproveitar esse final de semana ao máximo.
Sven é gostoso e sabe disso. É aquele tipo de homem que se acha e pode se achar. É especialista em sexo e é por isso que precisa testar Yaya: sua missão é tentar fazer Yaya se apaixonar por ele. Será que ele consegue?
"- Sexo? - estreitei os olhos - Vai transar comigo, senhor Delvak?
Minha vagina estremeceu esperando um "sim".
- Sexo? - repetiu minha pergunta, com descrença - Não, meu amor. - colocou as mãos na minha cintura e sussurrou cheio de fome - Sexo é a segunda coisa mais gostosa do mundo. A primeira sou eu."
Ao contrário dos demais livros da autora, neste me senti assistindo a um filme pornô mesmo. Temos uma trama, uma história que prende o leitor, pois queremos saber como tudo isso vai terminar, mas as cenas de sexo ficaram diferentes do que estou acostumada, dando a impressão de ser um livro pornô e não erótico. A atração romântica que estou acostumada a esperar, não veio e isso me deixou triste. Não que o livro não tenha sido bom, foi sim, só senti falta do romantismo, mesmo que pouco, que a autora sempre introduz em suas histórias.

Os personagens são interessantes, cada um a seu modo. Sven me deixou brava com toda sua suposta superioridade em saber de tudo. Fora isso, até curti conhecê-lo rsrsrs.
Yaya vai entrar para minha lista de personagens que quero conhecer mais e já adianto que este conto é só uma degustação para o próximo livro onde Yaya será a personagem principal: Malícia.
"Sven Delvak não precisava contratar uma aluna para diversão e relaxamento por um fim de semana. Faria isso apenas se quisesse. E, se fosse o caso, não ficaria conversando sobre trabalho. Era uma entrevista de emprego. Uma que eu queria me esforçar para ser excelente."
A narrativa é em primeira pessoa, alternando entre os personagens para nos dar ampla visão dos acontecimentos. A escrita da autora é gostosa e sucinta, sem rodeios e descrições desnecessárias, o que nos faz desfrutar de uma boa leitura independente do gênero que escolhemos. Como disse acima, só as cenas de sexo que, ao meu ver, ficaram mais explícitas do que nos demais livros. Então, quem não curte esse tipo de livro, é melhor não se aventurar por essas páginas.
A autora aborda assuntos que são tabus para algumas mulheres e isso nos faz pensar nos prazeres que abdicamos por vergonha ou por não saber o que fazer. Adoro isso em seus livros, em cada um, aprendo um pouco mais! ;)

Do mais, só indico. Espero ansiosamente pela continuação!


Avaliação: 



Sobre a autora:





Nasceu em 06 de maio, em Recife. Em 2011, aos 22 anos publicou seu romance de estréia: "Agnus Dei". O primeiro livro da série "A Idade do Sangue".
Em 2014, lançou o romance erótico "23 Noites de Prazer" pela editora Universo dos Livros.




8 comentários:

  1. Ana!
    Uauuuuu! Conto pornô!!! Deve ter trechos bem mais pesados que o erótico, hein?
    Mesmo dentro de um contexto, tem de ter um pouco de romantismo, concorda?
    Bem, mas como disse que ainda assim é bom, arriscarei a leitura.
    Andei baixando uns ebooks e se não estou enganada tem um da autora, vou confirmar depois.
    Desejo uma semana tranquila!
    “Uma pergunta prudente é metade da sabedoria.” (Francis Bacon)
    Cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Sua resenha está perfeita, mas dessa vez, vou passar a dica.
    Não gosto desse estilo de leitura.
    Para quem curte esse gênero, com certeza uma boa leitura deverá proporcionar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana.
    É uma pena que o livro não foi tudo o que esperava e eu te entendo adoro quando tem romance e quimica e não apenas ter sexo só por ter, a premissa é interessante mas não sei se leria.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ana!!
    Gosto muito dos livros da Juliana e achei bem interessante o enredo do livro fiquei bem empolgada para ler essa história!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li nada da autora, mas quero ler. Fiquei curiosa em saber se o presidente da empresa vai conseguir realizar sua missão, pena essas cenas de sexo não terem romantismo só ser pornô, pois gosto e quando não tem faz uma falta um romance rs.

    ResponderExcluir
  6. Olá, não costumo ler este gênero, mas vejo que a autora explora uma nova faceta do mesmo, de forma crua e sem pudor. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Estou gostando bastante de ler contos, são leituras rápidas e bastante delicinhas (as que eu li né haha).
    E esse parece ser bem envolvente e gostoso também.
    Não conheço a escrita da autora ainda, mas me parece ser muito boa.
    Fiquei interessada nesse livro. Ainda mais por ser mais "hot".
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  8. eu não conheço ainda a escrita da julianna
    e eu até gosto de contos, são histórias curtinhas que dá p conferir o tipo de escrita da autora
    mas assim... meu problema não é com ser erotico, mas ser só isso
    achei legal saber q ela aborda temas que são meios q tabus
    pensando aqui se dou uma chance ou não
    bjs

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz