07 agosto 2017

Resenha: Quando a Bela domou a Fera - Eloisa James


Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 8580416809
Ano: 2017
Páginas: 320
Tradutor: Thalita Uba

Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Eleito um dos dez melhores romances de 2011 pelo Library Journal, "Quando a Bela domou a Fera" é uma releitura de um dos contos de fadas mais adorados de todos os tempos.
Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.
Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.
No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu?



Quando Linnet Trynner, filha de um Visconde se envolve num escândalo acidental onde toda sociedade londrina acredita que ela está gravida e abandonada por um príncipe no baile, todos lhe viram as costas. Ela não vê muitas alternativas em seu futuro até sua tia Zenobia aparecer com uma única solução ao seu pai, que é oferecer a mão de Linnet ao Duque de Windebank já que ele está procurando uma esposa para seu filho. Zenobia sabe da predileção que o Duque tem pela realeza e utiliza dessa façanha para convencer o cunhado que é a única saída de sua sobrinha.
“Oras, deixa- me pensar... Acho que o nome próprio dele é um bocado estranho Peregrine, Penrose... Piers, é isso.
-Soa como doca – interrompeu Lorde Sundon.
- Esta manhã, Misstress Hutchins chamou-me de fragata ligeira –disse Linnet -uma doca deve ser precisamente aquilo que me convém.”
Após o pai de Linnet fazer os arranjos ela é enviada a Gales acompanhada pelo duque. Duas semanas depois da sua partida encontra pela primeira vez com seu noivo Piers Yelverton, o conde de Marchant e para sua surpresa ele é muito diferente do que imaginava. Ambos tem a mesma personalidade forte mas com o passar dos dias Piers e Linnet descobrem muito mais um do outro do que as farpas trocadas.
“- Um médico completamente doido, eu, e uma beleza perversamente calculista, a senhora, coxeando juntos numa vida de felicidade? Custa-me a acreditar. Tem andado a ler demasiados contos de fadas.
-Quem disse que sei ler? Mal sei contar, lembra-se.
Ele olhou-a e ela decidiu, mais uma vez, reter o sorriso.”
A trama tem uma construção excelente, uma narrativa envolvente e romântica que te prende do começo ao fim com uma pitada de humor, ironia e sarcasmo. A autora conseguiu com tudo isso ainda adicionar um toque picante nas cenas de amor. Os personagens ao meu ver foram escritos perfeitamente. Linnet tem um diferencial em comparação com as outras jovens de sua época - sua inteligência, língua afiada, determinação e confiança são alguns dos atributos da nossa mocinha tornando a perfeita. Já Piers é o nosso mocinho ranzinza, um médico a frente de sua época o que traz vários adjetivos a sua pessoa com o título de ser um monstro a alguns e brilhante a outros; nosso Conde tem um temperamento um pouco difícil mas com o desenrolar da história temos a compreensão de tanto mau humor.
"Ela foi escolhida pelo pai. Não podia ter nada que ver com ela, nem que ela fosse a mulher mais bela de toda a Inglaterra.
O que ela era, observou uma vozinha na sua cabeça. Nunca vira nenhuma mulher tão perfeita. Nem imaginava que pudesse existir, para ser sincero."
As interações entre Linnet e Piers são recheadas de humor desde do primeiro dia que se conheceram. Como num jogo de cão e gata eles prendem o leitor e a cada página, ficamos curiosos para saber se de fato vão acabar juntos no final. Também temos a história secundaria entre os pais de Piers uma que se desenrola junto com a principal. Conheci o livro no evento “romances de época” da Arqueiro onde fui apresentada a esse livro maravilhoso. Fiquei super feliz quando surgiu a oportunidade de resenha-lo. O livro é uma releitura do conto de fadas de A Bela e a Fera e ainda por cima o personagem Piers é baseado no personagem Dr. House. A princípio você pode pensar que essa mistura não dará certo, mas acredite: ficou perfeita!

A edição da editora, como sempre, está impecável: a capa é linda e condizente com o enredo, a diagramação simples, mas bem feita, com letras em tamanho confortável para a leitura e bom espaçamento. Estou bem curiosa para ler os demais livros da autora. Do mais recomendo sim e muito esse livro e boa leitura.







Avaliação: 


Sobre a autora:





Eloisa James escreveu seu primeiro romance depois de se formar em Harvard, mas o manuscrito foi rejeitado por todas as editoras. Depois de obter mais alguns diplomas e arranjar emprego como professora especializada em Shakespeare, ela tentou novamente, dessa vez com mais sucesso. Mais de 20 best-sellers depois, ela dá cursos sobre Shakespeare na Fordham University, em Nova York, é mãe de dois filhos e, numa ironia particularmente deliciosa para uma autora de romances, é casada com um legítimo cavalheiro italiano.



Um comentário:

  1. Cinthia!
    É o seguinte...sou totalmente apaixonada pelos contos de fadas e suas releituras, principalmente se é de A Bbela e a Fera, meu conto favorito de todos.
    E ver que mesmo com algumas modificações do original, o livro é muito envolvente e ainda sabendo que a Fera foi baseada no meu tão amado Dr. House, tenho ainda mais interesse em poder ler.
    Desejo uma ótima semana!
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz