27 agosto 2017

Resenha: Rainha (Série Neblina e Escuridão #3) - Mari Scotti


Edição: 1
Editora: Novo Século
ISBN: 9788542812695
Ano: 2017
Páginas: 416

Compre na Pré-Venda AQUI.

E-book cedido em parceria com a autora
Sinopse: A morte de um ente querido pode desestruturar famílias e uma matilha. Ellene não sabe como superar suas perdas, principalmente agora que não tem mais como recorrer a Milosh. Encontrar a rainha dos vampiros era a sua missão, mas jamais imaginou se sentir tão perdida em conhecer sua verdadeira origem. Os vampiros desconfiam que Elizabeth III não é quem diz ser, e, se ela não provar sua real identidade, seu reinado padecerá. O reino dos vampiros está ameaçado; os traidores, mais perto do que se imagina. Amigos não são aliados. Então lhes resta lutar pelo trono e pelo futuro do reinado de Elizabeth.
“Em meio a uma narrativa deslumbrante e um desenvolvimento inesquecível, Mari Scotti entrega aos leitores aquilo que mais esperam: um final cheio de emoções.”
Denise Flaibam – Blog Queria estar Lendo e autora da série “Os mistérios de Warthia”
Leia um trecho: https://goo.gl/YXmw2L

Clique nos títulos abaixo para conferir a resenha dos livros anteriores:

Resenha livre de Spoilers


Finalmente, chegamos ao fim da Série Neblina e Escuridão. Em "Rainha", vamos acompanhar o desfecho épico dessa série que me fez amar, odiar, chorar, sorrir e surtar durante toda a leitura! rsrsrsrs

"Rainha" começa de onde "Guardião" parou. Ellene está de luto pela perda de um ente querido e totalmente desestabilizada: Achou que encontrando a rainha, Elizabeth, seus medos e receios seriam sanados. Ledo engano - a volta da rainha só serviu para deixá-la ainda mais perdida. Milosh encontrou sua esposa, a quem tanto procurava, mas sente na pele que o relacionamento não é mais o mesmo, não depois de conhecer Ellene.
"Conhecer você, a sua mãe e aquele vampiro... me abriu os olhos. - Ele espirou fundo. - Na verdade, depois que a raiva passou, pensei melhor em tudo e o amor e a família vêm antes da raça a que você e eu pertencemos. Não se culpe por defendermos a nossa família - sussurrou."
A matilha se junta aos seus inimigos para ajudar a verdadeira rainha a voltar para o trono. Segredos sórdidos serão descobertos e abalará ainda mais as certezas de Ellene; Milosh finalmente se entrega ao sentimento, desistindo de lutar contra o que sente; Elizabeth sabe quem é o traidor mas ainda não pode denunciá-lo, precisa de provas.
Tomás, que foi um dos personagens que mais me irritou no livro anterior, ganha meu coração e respeito ao abrir mão de tudo o que mais odiava para ajudar sua amiga. Mas a vida ainda guarda muitas surpresas para esses personagens.... "Rainha" foi um dos melhores finais de série que tive o prazer de ler na vida.

Mari Scotti criou uma história que me conquistou do início ao fim. Com suas palavras doces e sentimentos puros, deu personalidade aos personagens e nos fez amá-los e odiá-los com intensidade e, acredite, não será fácil esquecê-los. Sua habilidade de criar reviravoltas é viciante! Já não consigo imaginar somente um final para as histórias que leio dela - sempre imagino coisas diferentes, abro um leque de possibilidades, pois a mente da autora nos engana e quando menos esperamos, solta a bomba no colo do leitor e parece até gritar na nossa cara: - TOMA ESSA! rsrsrsrsrs
"Lembrava-se de ser mais feliz antes de Elizabeth se tornar a rainha dos vampiros, mas não conseguia recordar quando as responsabilidades de ser seu guardião consumiram seu tempo, seus sonhos e seus sentimentos. Os cem anos sem a presença dela o fizeram independente de novo, tendo objetivos próprios, desejos, voz."
Com "Rainha" não foi diferente. Durante toda a minha leitura, me senti sendo enganada e manipulada, pois sempre que eu achava que um assunto estava resolvido, Mari abria mais uma porta para a ação. E por falar em ação, "Rainha" possui ação do início ao fim. Não pense você que terá coragem de parar a leitura para respirar, a frase "só mais um capítulo" foi usada constantemente por mim durante minha leitura.
Mesmo com toda destreza de sentimentos impressos em sua escrita, mais uma vez me surpreendo com o tanto de sangue que corre nas páginas deste livro. Juro que não imaginava que chegaria a ler cenas de lutas tão bem descritas e horrendas como encontrei aqui. Amei! É isso que sempre busco nos livros de ação e terror, encontrá-los em um romance tão doce me deixou ainda mais apaixonada pelo enredo.
Não posso deixar de comentar sobre as pequenas referências literárias que a autora agregou ao enredo. Eu, como fã que sou da Saga Crepúsculo, não poderia deixar passar. Todas às vezes que a referência se fazia presente, meu sorriso só se alargava mais!

A narrativa continua em terceira pessoa, abrangendo os personagens principais para a trama. Em "Híbrida", a personagem mais focada foi Ellene, em "Guardião", Milosh e, finalizando a série, vamos conhecer mais a fundo a rainha dos vampiros - Elizabeth. Confesso que no livro anterior, não gostei muito dela e cheguei até a cogitar odiá-la, mas depois de finalizar esse livro, é impossível isso acontecer.
O toque sensual que os demais livros possui também é encontrado aqui, todas as cenas bem descritas e lindas de se ler. Uma das cenas que mais ansiei durante a leitura da série acontece neste último volume e a emoção de lê-la foi incrível. Obrigada por isso, Mari! <3
E sobre a capa? Perfeita! Amo as capas dessa série e assim que eu puder, terei "Rainha" junto com os demais na minha estante.
"Eu já devia amar você, a Ellene que invadia mais sonhos e gritava comigo ou tinha medo de mim... Mas quando te vi de verdade, esse sentimento se enraizou e você pode tentar encontrar desculpas e motivos para me afastar, tenho certeza de que, se procurarmos, encontraremos muitos mais. Mas compreenda de uma vez: agora que eu descobri o que realmente quero e sinto, não vou deixar que seu julgamento errado sobre si nos condene."
Por fim, vou ficando por aqui já sentindo uma saudade imensa desses personagens maravilhosos que me conquistaram e que farão falta. O metrô de SP nunca mais será o mesmo para mim e, a próxima vez que eu for a Campinas, vou prestar muita atenção durante o caminho: vai que eu consigo ter um vislumbre de Nicodemos e seu castelo grandioso! ;)


Avaliação: 



Sobre a autora:



Paulistana. Nascida em 22 de fevereiro de 1980. Formada em Recursos Humanos pela faculdade das Américas. Aprendeu a amar a literatura desde a infância quando sua mãe lhe mostrou um livro que estava escrevendo. Apoia sem reservas a literatura Nacional. Já gravou CD, compôs e hoje dedica a maior parte do seu tempo aos personagens. Autora dos livros Híbrida – série Neblina e Escuridão pela Editora Novo Século e Insônia, série Nefilins. Criadora e administradora da fanpage de literatura nacional: Literatura Nacional BR e do Blog Coração de Papel.
Responsável pela Semana do Livro Nacional no Estado de São Paulo desde 2014.



Um comentário:

  1. Aí meu Deus, que resenha Ana! Tô aqui lendo e relendo e sorrindo como uma boba! Perdi até o rumo hahaha. Esse livro era o que eu mais ansiava já que responde todas as perguntas e ler suas impressões me deixou aliviada e feliz demais! Obrigada por abraçar a vida da Ellene junto comigo durante esses anos. Tb já sinto saudade. E eu te falei que vc ia gostar da rainha hahaha.
    Bjuuu Mari

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz